Durante o ensino fundamental, Daniel estudou em uma escola estadual de Pouso Redondo, interior de Santa Catarina. Lá, teve o primeiro contato com a iniciação científica por meio de um projeto de matemática aplicada, planejando embalagens alimentícias mais econômicas e sustentáveis.

No ensino médio, cursou o Técnico em Informática no IFC - Campus Rio do Sul e teve várias novas oportunidades, participando de olimpíadas e desenvolvendo dois novos projetos científicos. Com uma colega, estudou matemática financeira e desenvolveu um website para auxiliar pessoas de baixa renda a escolherem o melhor celular e método de pagamento de acordo com suas necessidades. Também desenvolveu o Horsensor, em que construiu um dispositivo e um website para obter e armazenar dados da movimentação na Equoterapia.

Com seus projetos, Daniel participou e foi premiado em feiras científicas como a FEBRACE, Mostratec, Conferência Internacional de Jovens Cientistas (na Malásia) e a Regeneron ISEF, maior competição científica pré-universitária do mundo.

Além disso, participou de dois programas de verão nas universidades de Yale e Stanford, nos Estados Unidos, onde estudou "Ciências Aplicadas e Engenharia" e "Ciências Ambientais", respectivamente.

Daniel pretende continuar desenvolvendo pesquisas científicas interdisciplinares e trabalhando com educação científica, utilizando a ciência como ferramenta de mudança social.